Osteoartrite em cães – sinais e tratamento

Osteoartrite em cães – sinais e tratamento

A osteoartrite é um problema comum em cães, principalmente em idosos e raças grandes. Embora não haja cura para essa condição progressiva, identificar o problema precocemente e iniciar o manejo adequado pode ajudar a manter seu cão ativo e melhorar a qualidade de vida.

O que é osteoartrite?

A osteoartrite, também conhecida como doença articular degenerativa (DJD), é uma inflamação da articulação que piora progressivamente, causada pela deterioração da cartilagem. Em uma articulação saudável, a cartilagem atua como uma almofada para permitir que a articulação se mova suavemente em toda a sua amplitude de movimento. Nos casos de osteoartrite, essa almofada de cartilagem começa a se romper devido a fatores como idade, lesão, estresse repetitivo ou doença. A perda dessa almofada protetora resulta em dor, inflamação, diminuição da amplitude de movimento e desenvolvimento de esporões ósseos. Embora qualquer articulação do corpo possa desenvolver osteoartrite, a condição afeta mais comumente os membros e a parte inferior da coluna.

Fatores de risco para osteoartrite em cães

Qualquer cão pode desenvolver osteoartrite, principalmente à medida que envelhece. Mas existem alguns fatores que podem predispor seu cão a essa condição, como:

  • Raças grandes ou gigantes, como Pastor Alemão, Labrador Retriever, e Golden Retrievers
  • Obesidade

Idade, particularmente cães de meia-idade a idosos

  • Esforço repetitivo de atividades atléticas, como agilidade, flyball ou mergulho
  • Lesões como fraturas ou ligamentos lágrimas
  • Diagnóstico prévio de displasia da anca ou cotovelo
  • Infecções que afectam as articulações, tais como Doença de Lyme

  • Nutrição inadequada
  • Conformação ruim
    • Genética

    Se o seu cão está predisposto a desenvolver osteoartrite, é especialmente importante manter-se atualizado com visitas regulares ao seu veterinário. Eles podem ajudar a garantir que seu cão mantenha um peso saudável e estilo de vida ativo, e muitas vezes podem detectar sinais de osteoartrite antes que o problema se torne sério.

    Senior dog laying outdoors.

    fusaromike / stock.adobe.com

    Sinais de Osteoartrite em Cães

    A osteoartrite pode ser difícil de detectar em seus estágios iniciais e, muitas vezes, os sintomas não se tornam aparentes até que a articulação afetada seja gravemente danificada. Alguns cães também podem ser muito estóicos e esconderão sua dor até que se torne grave. Assim, é importante monitorar cães de meia-idade a idosos e aqueles predispostos à osteoartrite para sinais precoces de doença articular. Estes sinais incluem:

    • Rigidez, claudicação, claudicação ou dificuldade em levantar-se
    • Letargia

      Relutância em correr, pular ou brincar

      Ganho de peso

    • Irritação ou mudanças de comportamento
    • Dor quando acariciado ou tocado
    • Dificuldade de postura para urinar ou defecar, ou ter acidentes dentro de casa
  • Perda de massa muscular nos membros e coluna
  • Se você suspeitar que seu cão pode estar exibindo sinais de osteoartrite, é importante que seu cão seja avaliado por um veterinário, que fará um exame físico completo, incluindo palpar as articulações do seu cão e avaliar sua amplitude de movimento. Seu veterinário também pode recomendar raios-X das articulações afetadas, o que ajudará a descartar outras condições que podem causar sintomas semelhantes. Raios-X também podem ajudar seu veterinário a avaliar o grau de dano à articulação.

    Senior dog laying outdoors.

    Senior dog laying outdoors.

    Tratamento da Osteoartrite

    Infelizmente, a osteoartrite é uma doença progressiva e não há cura conhecida. Prevenir o desenvolvimento de osteoartrite por meio de dieta, exercícios e o uso de suplementos protetores para as articulações é a melhor maneira de manter as articulações do seu cão saudáveis. Quando a osteoartrite se desenvolve, o tratamento geralmente se concentra no controle da dor, na diminuição da inflamação, na melhoria da qualidade de vida e na desaceleração do desenvolvimento da doença. O tratamento da osteoartrite geralmente é multimodal, o que significa que várias terapias diferentes são usadas simultaneamente para alcançar o melhor resultado.

    Suplementos conjuntos Estes são frequentemente prescritos para melhorar a função, reduzir a inflamação e retardar a progressão do dano articular. Glucosamina e condroitina são dois ingredientes comuns de suplementos comuns que são usados ​​em humanos e cães. Esses suplementos funcionam reduzindo a inflamação, promovendo a cicatrização e aumentando a retenção de água na cartilagem, o que proporciona mais amortecimento para a articulação. O mexilhão de lábios verdes (GLM) é outro ingrediente comprovado de suplemento articular para humanos e cães e contém nutrientes benéficos, como ácidos graxos ômega-3, glicosaminoglicanos e antioxidantes. O GLM é um poderoso anti-inflamatório que pode ajudar a diminuir a dor e preservar a função articular. Suplementos articulares são frequentemente usados ​​como uma intervenção precoce e ao longo da progressão da osteoartrite porque são seguros para uso a longo prazo na maioria dos pacientes.

    AINEs Além do uso de suplementos articulares, o controle da dor é um dos pilares do tratamento da osteoartrite. Os medicamentos de controle da dor mais comumente usados ​​para osteoartrite mais grave são os anti-inflamatórios não esteroides (AINEs). Os AINEs podem não apenas reduzir a dor, mas também diminuir a inflamação nas articulações. No entanto, os AINEs têm efeitos colaterais significativos com o uso continuado, particularmente em pacientes com insuficiência hepática ou renal. Seu veterinário irá discutir os riscos e benefícios da terapia com AINEs para o seu cão e pode recomendar exames de sangue regulares para monitorar a saúde do seu cão durante a terapia com AINEs.

    Tratamentos Adicionais Seu veterinário também pode recomendar outras modalidades de tratamento, como fisioterapia, acupuntura, laser frio e mudanças na dieta. Em casos graves, eles podem recomendar uma cirurgia para remover o tecido danificado da articulação ou até mesmo substituir a articulação por completo.

    Controle de Peso Não importa como está a saúde das articulações do seu cão, é importante manter um peso saudável e um estilo de vida ativo. Em cães com osteoartrite, carregar excesso de peso nas articulações danificadas não é apenas doloroso, mas também pode acelerar o processo de ruptura da cartilagem. Em cães saudáveis, a obesidade pode predispor ao desenvolvimento precoce de osteoartrite, assim como muitas outras doenças. Se seu cão está com sobrepeso ou obeso, seu veterinário é o melhor recurso para ajudá-lo a iniciar uma dieta e um plano de exercícios para melhorar a saúde do seu cão.

    A osteoartrite é uma condição dolorosa, mas, felizmente, pode ser controlada. Manter seu cão com um peso saudável e identificar sinais de dor nas articulações precocemente são os primeiros passos para manter a mobilidade do seu cão. Os suplementos articulares também podem ajudar a controlar a inflamação e a dor, além de retardar a progressão da doença.

    Artigos Relacionados

    Akita Inu

    Akita Inu Preço

    O  Akita Inu é um cão muito desejado por isso existem canis com demandas de preços diferentes. O Preço do Akita Inu  filhote varia de R$

    Veja mais »
    Blog / Dicas

    Pequinês Preço

    O  Pequinês é um cão muito desejado por isso existem canis com demandas de preços diferentes. O Preço Pequinês filhote varia de R$ 500,00 a

    Veja mais »