West Highland White Terrier

Guia completo West Highland White Terrier conheça melhor seu amigo, temperamento,tempo de vida, saude, adestramento, etc...

Especificações do West Highland White Terrier

Porte: Pequeno

Peso: Feminino: 6–7 kg, Macho: 7–10 kg

Expectativa de vida: de 12 a 16 anos

Origem: Escócia

Personalidade: Independente, Ativo, Resistente, Alerta, Amigável, Alegre, Corajoso

O West Highland White Terrier é um cãozinho muito fofo não tem como não se encantar com seu jeito meigo, delicado, quase como um bichinho de pelúcia, graças ao corte de seu pelo.

Essa imagem, na verdade, esconde um cachorro com personalidade forte e muito charmoso, uma verdadeira estrela de cinema. Aliás, a raça West highland White terrier tem estrelado diversos comerciais e filmes ao longo dos anos por causa de uma característica muito marcante de sua personalidade: a inteligência.

Cão de pequeno porte. Possui dupla pelagem. A camada externa é formada por pelos longos e retos. O subpelo é mais macio, curto e fechado. Na cabeça, a pelagem é densa, e nas orelhas o pelo é curto e liso. A cauda tem pelo duro. Como já diz seu nome, a raça é encontrada apenas na cor branca.

A cabeça tem formato redondo, com orelhas pequenas, eretas, pontudas e no formato triangular. O focinho é pequeno, preto, com narinas largas e formato quadrado. Os olhos são redondos, pequenos e pretos. A língua é curta e não muito larga. O corpo é pequeno, com pernas curtas, de espessura média e patas arredondadas, bem cobertas por pelos. A face frontal é bem peluda também, assim como todo o corpo. A cauda é repleta de pelos, não muito grossa e de comprimento médio.

Cores West Highland White Terrier

Saúde do West Highland White Terrier

O West Highland White Terrier algumas doenças podem aparecer com mais facilidade em cães desta raça. Alguns são de origens genéticas e outras especialmente por serem completamente brancos. Atopias, dermatites, alergias e sarna demodécica são bem comuns à raça que possui uma pele sensível.

Luxação da patela também é comum em cães de pequeno porte e o Westie não fica de fora. Essa condição causa dor, desconforto e leva o animal a mancar. Atividades que forcem as patinhas como subir e descer de escadas e móveis devem ser evitadas ao máximo.

White dog shaker syndrome, em tradução livre, é algo como “síndrome do cachorro branco que treme” é uma doença que acomete cães de pequeno porte e causa tremores pelo corpo do animal. Não se sabe ao certo a origem nem a causa dessa síndrome, mas o tratamento é feito através de medicamentos específicos indicados pelo médico veterinário a fim de controlar os sintomas.

Galeria de Fotos

Confira fotos/Wallpapers de West Highland White Terrier

Temperamento do West Highland White Terrier

O West Highland White Terrier, assim como os outros amiguinhos terriers, é extremamente charmoso e tem uma personalidade muito forte, o que o torna um pet digamos, bem peculiar.

Como tem uma aparência encantadora, alguns humanos apreciam apenas a sua beleza, não dando a esse cãozinho toda a atenção que ele precisa: exercícios e muita diversão, cuidados essenciais para que se desenvolva bem psicologicamente.

O agitado  cãozinho é feliz, curioso e está sempre no meio das coisas. Ele é afetuoso e carente, um dos terriers mais companheiros. Mas não é muito amigável com animais pequenos. Gosta de uma corrida diária em área segura ou seguir o dono em um passeio, assim como brincar em casa. Ele é independente e um pouco teimoso, e pode latir e cavar.

Compartilhe este Post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Dicas, Adestramento, Saúde, Filhotes West Highland White Terrier

Conheça outras Raças

Cães

shih tzu

O Shih Tzu encanta pela sua beleza e fofora em forma de cãozinho, é um dos queridinhos dos brasileiros. Está entre as raças mais populares

Cães

Kuvasz

Kuvasz são cães de grande porte, um pouco mais compridos do que altos, então a linha corporal é retangular. Não são cães pesados e corpulentos,

Cães

Collie

  O Collie é belo e elegante sua  origem na Escócia. Acredita-se que o ancestral desse cachorro chegou ao país através dos romanos, que cruzaram